HOME > Outros > #DensetsuIndica: Panic in Nakayoshi World!

#DensetsuIndica: Panic in Nakayoshi World!

Desde criança sempre gostei e me identifiquei com mangá/anime shoujo. Como a maioria das garotas da minha época, imagino eu, Sailor Moon e Cardcaptor Sakura eram os meus favoritos. Minha infância girava em torno das duas séries, eu colecionava tudo o que pudesse encontrar sobre elas e o meu sonho era ser como a Usagi (SM) ou a Sakura (CCS) quando crescer.

Como uma grande fã da Guerreira Lunar, imaginem a minha alegria ao descobrir que a série recebeu vários títulos de gêneros diferentes para Super Nintendo no Japão, entre eles um RPG, puzzles, jogos de luta, e até mesmo alguns jogos de ação. É claro que já joguei todos – inclusive a maioria está entre os meus favoritos do console e são jogos que recomendo para todo fã da série.

Infelizmente eles não foram lançados fora do Japão e, consequentemente, não são muito conhecidos no ocidente. É exatamente por isso que hoje vamos falar sobre um jogo japonês muito divertido e bonitinho. É hora de Panic in Nakayoshi World no #DensetsuIndica!

Tela inicial de Panic in Nakayoshi World

Panic in Nakayoshi World (パニックインなかよしワールド) é um jogo de ação com gráficos extremamente bonitinhos lançado pela Bandai em 1994 para consoles Super Nintendo. É um dos três jogos existentes envolvendo a revista mensal de mangá conhecida como Nakayoshi da editora Kodansha e também o único para SNES. Infelizmente, o game foi lançado somente no Japão, sendo conhecido por aqui apenas entre os verdadeiros fãs da série Sailor Moon e dos mangás publicados pela revista.

História e Personagens

Como o próprio título já diz, o mundo de Nakayoshi está em pânico. Isso se deve à invasão de diversos monstros guiados pelo vilão Daimaou, que estão comendo os cidadãos de Nakayoshi e, quanto mais comem, mais famintos ficam.

Início da história de Panic in Nakayoshi World

Para tentar evitar uma catástrofe ainda maior, a Princesa de Cabelos Azuis envia uma mensagem de socorro e quatro garotas se oferecem para ajudar. É aí que entram as nossas heroínas, todas personagens de séries famosas de mangá publicadas pela revista Nakayoshi:

  •  Sailor Moon: a protagonista da série Sailor Moon

Personagem jogável de Panic in Nakayoshi World

  • Wapiko: a garota de cabelos curtos da série Kingyo Chuuihou! (O Aviso do Peixe Dourado!)

Personagem jogável de Panic in Nakayoshi World

  • Kurumi: a garota de cabelos loiros protagonista da série Kurumi to 7 Nin No Koibitotachi (Kurumi e os Sete Anões)

Personagem jogável de Panic in Nakayoshi World

  • Nagisa: a garota de cabelos cor-de-rosa e de vestidos vermelhos da série Chou Kuseni Narisou (Vou fazer disso um hábito)

Personagem jogável de Panic in Nakayoshi World

Jogabilidade

Para começar, Panic in Nakayoshi World possui suporte ao modo multiplayer permitindo que até duas pessoas joguem ao mesmo tempo. Jogar sozinho é divertido, mas o modo multiplayer também é muito legal, além de facilitar durante o gameplay já que o nosso maior objetivo durante as fases é proteger um determinado aliado para que ele não seja atingido pelos inimigos.

A parte mais difícil mesmo é escolher as personagens, pois cada uma possui uma habilidade e um aliado diferentes. Por exemplo, Sailor Moon lança tiaras lunares e sua aliada é a Sailor Chibi Moon (outra personagem famosa da série da Guerreira Lunar), enquanto Nagisa lança notas musicais e tem como aliado Nosaka Akira, seu noivo na série original. Embora isso não afete na jogabilidade uma vez que os aliados só servem para serem protegidos pelo jogador, para mim sempre foi complicado escolher com quem jogar, pois gostava de todos os personagens e não queria ter que escolher só um. Por outro lado, isso acabava fazendo com que eu jogasse mais de uma vez para poder testar personagens diferentes.

Tela de escolha de jogadores Panic in Nakayoshi World   Tela de escolha de personagens Panic in Nakayoshi World

O jogo é dividido em cinco estágios contendo seis fases cada um. Em cada estágio, um aliado diferente deverá ser protegido pelo jogador. Por exemplo, no primeiro estágio temos a Princesa de Cabelos Azuis, no segundo estágio temos Kairu aliado da Kurumi, no terceiro temos Gyopi, ou seja, o Peixe Dourado da Wapiko, e assim por diante.

Suas fases de certa forma lembram Bomberman, possuindo vários blocos que podem ser destruídos para encontrar power ups e abrir caminho até os monstros. Assim como em Bomberman, existem as fases regulares e as fases de batalha contra chefões. Além delas, existem também as fases bônus onde o objetivo é destruir os blocos para pegar a maior quantidade de power ups antes que o tempo acabe para se preparar para a luta contra o chefão.

Power ups em Panic in Nakayoshi World para Super Nintendo   Fase bônus em Panic in Nakayoshi World para Super Nintendo

É importante mencionar que os power ups fazem uma diferença considerável em batalhas contra chefes, tornando muito fácil derrota-los. No entanto, se o jogador morre, todos os itens que haviam sido coletados anteriormente são perdidos e a batalha contra o chefe fica bem mais complicada. Por isso, muito cuidado!

Além disso, como disse anteriormente, o objetivo principal é proteger o nosso aliado para que ele não seja atingido pelos inimigos. Caso isso aconteça, dependendo do monstro que o atingir, o jogador ficará confuso, com os controles invertidos, perdendo ou ganhando velocidade ou até mesmo impossibilitado de soltar magia por um certo período de tempo. No entanto, se o seu personagem for atingido ou se o aliado for pego pelo inimigo, aí infelizmente é uma vida a menos.

Chefão em Panic in Nakayoshi World   Jogador amaldiçoado em Panic in Nakayoshi World

Passar de fase é muito fácil e existem duas maneiras: uma delas é destruindo os blocos e derrotando uma quantidade mínima de inimigos até encontrar a porta mágica que o levará para a fase seguinte. A outra forma é derrotando uma quantidade específica de inimigos antes do fim do tempo e, ao atingir o número certo, os personagens automaticamente farão uma pose de vitória e o jogador será levado até a próxima etapa. Fica a critério do jogador escolher a forma que acha mais divertida.

Inimigos de em Panic in Nakayoshi World para Super Nintendo   Porta para próxima fase em Panic in Nakayoshi World

Battle City para meninas?

Panic in Nakayoshi World pode ser considerado como uma versão bonitinha feita para meninas do jogo Battle City, aquele jogo de tanques para Nintendinho. É fato que o game possui todas as características principais de Battle City, como os blocos destrutivos, inimigos sendo gerados de três pontos distintos da tela e até mesmo um companheiro na parte inferior do mapa que deverá ser protegido do ataque inimigo. A diferença é que, ao invés de tanques, controlamos personagens de séries publicadas pela revista Nakayoshi em um mundo de conto de fadas lotado de inimigos graciosos como coelhos e ursos de pelúcia.

No entanto, apesar de toda a sua graciosidade e de trazer personagens femininas de mangás famosos feitos para garotas, Panic in Nakayoshi World não é um jogo específico para meninas. O título se tornou querido por muitos jogadores do sexo masculino também, afinal, a quantidade de garotos que gosta e acompanha a série Sailor Moon é imensa, não só no Japão, mas no mundo inteiro.

Capa e gameplay de Battle City

Infelizmente, Panic in Nakayoshi World nunca saiu do Japão, mas um projeto de tradução chamado “Project: Sailormoon” foi criado por fãs para traduzir o jogo para o inglês. Essa tradução foi lançada em agosto de 2000 como um patch IPS, substituindo todo o diálogo em japonês do jogo para o inglês. Uma pena, no entanto, que isso só funcione nos emuladores e o jogo não tenha sido lançado oficialmente por aqui.

Ainda assim, com Panic in Nakayoshi World a diversão é garantida. Com um cenário e uma arte extremamente fofa e colorida, o jogo é ideal para aquela tarde tediosa, sem nada para fazer e em busca de algo fácil e rápido. Sem falar da trilha sonora alegre e cativante que nos faz sentir como se realmente estivéssemos em um mundo de conto de fadas, com muito de algodão doce e chocolate!

E aí, já conhecia Panic in Nakayoshi World? Ficou com vontade de jogar? Conta pra gente como foi a sua experiência aqui nos comentários, lá no Twitter ou no Facebook!

E não esqueça de dar uma conferida em outras indicações através do #DensetsuIndica. 😉

Compartilhe:
Avatar
Mio
Tradutora, professora, redatora e fundadora da Densetsu. Apaixonada por música, jogos, dorama e cultura japonesa em geral. Mãe de um shiba inu e de um gatinho SRD com muito orgulho. ♥ Suas franquias favoritas são Fatal Frame, Just Dance, Bokujou Monogatari, Catherine, Animal Crossing e The Legend of Zelda.
https://www.densetsugames.com.br/